Missionário SUD

MormonWiki, a enciclopédia livre sobre os mórmons escrita da perspectiva dos membros fiéis.<br> ''<nowiki>http://pt.mormonwiki.com/</nowiki>Mission%C3%A1rio_SUD''

missionarios mormons

Muitas pessoas já viram missionários "mórmons" (SUD). Eles normalmente se destacam onde quer que estejam porque são jovens, estão sempre alinhados, usando ternos escuros, camisas brancas e gravatas, trabalham sempre em duplas e utilizam a plaqueta que os identifica. Não é nenhuma surpresa o fato de que tantas pessoas os vejam porque a Igreja SUD tem provavelmente o programa missionário mais ativo da atualidade. Em 2004 havia 56.000 missionários, três quartos deles rapazes, servindo no mundo inteiro.

Desde o princípio, A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, ou Igreja mórmon como é chamada freqüentemente, foi uma igreja de proselitismo, enviando missionários para todas as partes do mundo. O trabalho missionário é feito normalmente através de palestras ministradas, por contatos feitos pelos próprios missionários ou através de referências dadas pelos membros da Igreja que desejam compartilhar o evangelho com seus familiares, amigos e vizinhos.

O trabalho missionário é parte fundamental e se tornou rapidamente uma das características marcantes de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Os missionários homens, chamados Élderes, muitas vezes andando de bicicleta ou caminhando, podem ser facilmente encontrados nas ruas de pequenas e grandes cidades ao redor do mundo. As missionárias mulheres, que também trabalham em duplas, são chamadas de Sisters. Todos os missionários são designados através da sede da Igreja para servir e podem ser enviados a qualquer parte do mundo, em países onde o governo permite pregar. Os missionários contribuem para seu próprio sustento por até dois anos, e freqüentemente aprendem outro idioma.


Índice

Programa Missionário Formal

O programa missionário formal da Igreja é responsável por mandar mais de 56.000 missionários a aproximadamente 330 missões organizadas ao redor do mundo. É comum encontrar missionários andando de bicicleta, indo de porta em porta, falando com pessoas nas rua ou realizando projetos de serviço em favor de pequenas e grandes comunidades. Estes jovens rapazes com idade entre 19 e 24 anos não são os únicos missionários designados pela Igreja. O serviço missionário pode ser de tempo integral, como o realizado pelos rapazes e moças que são enviados para diversas partes do mundo, ou pode ser de meio período na própria comunidade local do missionário. Estas missões de meio período são conhecidas como "missões de estaca" quando são realizadas dentro da área administrativa da igreja local chamada de "estaca". Uma estaca é semelhante a uma diocese na Igreja católica.

Jovens Missionários

Em 1974, o então profeta da Igreja, o Presidente Spencer W. Kimball, proferiu um chamado a todos os rapazes da Igreja, convocando-os a servir em missões de tempo integral. Os membros atenderam e o número de jovens, homens e mulheres, que servem missões dobrou em poucos anos e continuou crescendo depois disso. Atualmente a média é de 55.000 missionários servindo por ano.

Porém, os esforços missionários começaram muito antes. Em 1830, logo após Joseph Smith ter publicado o Livro de Mórmon e estabelecido a Igreja os primeiros missionários foram chamados. Samuel Smith, o irmão de Joseph Smith, foi o primeiro missionário. Ele levou o recém impresso Livro de Mórmon e começou a pregar no interior do estado de Nova Iorque. Através dessa missão foram convertidos muitos líderes que teriam grande importância na Igreja, inclusive o segundo Presidente e Profeta da Igreja, Brigham Young.

Desde aquele tempo, não importa quão severas as circunstâncias ou feroz a perseguição, a Igreja continuou enviando missionários a todos os cantos do mundo. Isto mostra o cumprimento da profecia de Jeremias:

"Eis que mandarei muitos pescadores, diz o SENHOR, os quais os pescarão; e depois enviarei muitos caçadores, os quais os caçarão sobre todo o monte, e de sobre todo o outeiro, e até das fendas das rochas (Jeremias 16:16).

Hoje se espera que todo rapaz, membro digno da Igreja, cumpra uma missão. Toda moça digna que tiver o desejo também podem servir uma missão, e muitas o fazem. É esperado que os missionários e suas famílias paguem a própria missão quando possível. Quando um jovem não possui meios financeiros para pagar sua missão mas deseja servir, os membros da congregação onde o rapaz freqüenta, conhecida como "Ala", o ajudam a cumprir seu propósito. Os missionários também são ajudados por um fundo geral da Igreja criado para lhes dar assistência. Normalmente os próprios missionários e suas famílias economizam previamente para este período. Muitos jovens SUD terão um fundo missionário no qual eles poderão economizar dinheiro para servir sua missão.

Quando os rapazes completam 19 anos(18 anos no Brasil), ou 21 no caso das mulheres, eles podem enviar seu nome para a Igreja com esse propósito. Líderes mórmons, incluindo o Quórum dos Doze Apóstolos, inspiradamente consideram os locais que precisam de missionários e que aplicações eles têm. Eles então designam cada missionário para uma "missão" específica da Igreja. Em 2005 havia mais de 330 missões mundiais. Quando o(a) missionário(a) em potencial recebe seu "chamado" é hora da família inteira celebrar.

Dependendo de onde o(a) missionário(a) é chamado(a), ele(a) é enviado a um "Centro de Treinamento Missionário" determinado, ou CTM, onde os missionários recebem treinamento intensivo de idiomas, estudam e aprendem a ensinar o Evangelho. Veja "Centros de Treinamento Missionário" abaixo para mais informações. Depois de algumas semanas de treinamento, os missionários seguem para o local onde vão servir sua missão. Os mórmons geralmente se utilizam de expressões como: "ir para o campo missionário" ou "campo missionário", que diz respeito ao lugar onde o Evangelho é pregado e são termos utilizados no mundo inteiro. Nos Estados Unidos, às vezes, esse termo é utilizado para indicar áreas fora de Utah, Arizona do norte e Idaho Sulista onde os mórmons compõem a maioria da população.

Toda missão é presidida por um Presidente de Missão. Ele supervisiona os missionários, e os designa para trabalhar em várias áreas dentro dos limites da missão. Para cada missionário é nomeado um companheiro, assim como Deus ordenou à Seus discípulos. Em Marcos 6:7, podemos ler: " E ele chamou [até ele] os doze, e começou a enviar os antes das duas e dois; e lhes deu poder em cima de espíritos " sujos; Cada companhia normalmente fica junto durante quatro ou cinco meses.

Os Missionários possuem muitas regras. A maioria os ajuda manter o foco no trabalho missionário. Algumas das regras mais importantes:

  • Estar sempre com seu companheiro;
  • Seguir o horário determinado para os missionários, que inclui acordar às 6h30 e recolher-se às 22h30;
  • Espera-se que eles escrevam uma carta todas as semanas para seus pais e presidente de missão;
  • É estritamente proibido namorar, flertar ou permanecer a sós com pessoas do sexo oposto;
  • Não assistir à televisão ou ter acesso a meios de comunicação não aprovados.

Eles podem ler as escrituras e outras obras da Igreja e também podem ouvir música sacra.

Durante a missão estes jovens dedicam seu tempo ao estudo das escrituras, como a Bíblia e o Livro de Mórmon, à pregação do Evangelho. Os missionários também prestam serviços à comunidade como: Limpar ou fazer reparos, ensinar idiomas, etc. Espera-se que os missionários dediquem pelo menos 10 horas semanais para serviço comunitário, embora alguns dediquem muito mais. Servindo ao próximo ou ensinando o Evangelho os missionários aproximam-se mais do exemplo de nosso Salvador Jesus Cristo " o qual andou fazendo bem " (Atos 10:38).

Estes rapazes e moças têm que sacrificar muito para servir uma missão de tempo integral, inclusive tempo e dinheiro. Muitos têm que adiar a graduação ou o início de uma carreira, mas eles são extremamente recompensados com a alegria que eles proporcionam à outras pessoas e também com a grande experiência e sentido de realização que uma missão traz. Muitos Missionários Retornados, também conhecidos como RMs, relatam que a missão foi ao mesmo tempo a experiência mais dura e mais recompensadora que eles já tiveram. Por isso, muitos RMs se referem à missão como " os melhores dois anos " de sua vida. Um dos maiores sacrifícios é permanecer longe de sua família e amigos. Os missionários podem escrever semanalmente, mas só podem falar com suas famílias ao telefone duas vezes por ano, no dia das mães e no natal.

Casais Missionários (Seniors Missionaries)

Muitos membros da Igreja se lembram de quão maravilhosa foi sua missão, por isso desejam servir novamente. Mesmo aqueles que não tiveram oportunidade de servir uma missão de tempo integral na juventude, têm a chance de fazê-lo ao se aposentar. Eles também servem em duplas, mas neste caso seu companheiro é o próprio cônjuge. Membros viúvos ou divorciados também podem cumprir missões para a Igreja, em missões de curto prazo ou de serviço. Muitos casais também servem missões de tempo integral longe de casa. Eles servem em missões de proselitismo, missões humanitárias ou missões de liderança onde eles ensinam membros a ser melhores líderes em suas comunidades.

Assim como os missionários jovens, os casais missionários passam um tempo no Centro de Treinamento Missionário. Eles servem dentro de uma missão particular sob a liderança do Presidente de Missão. Assim como os missionários jovens, os casais missionários também custeiam sua missão. Muitos economizam durante vários anos. Muitos casais também servem missões múltiplas, dividindo seu tempo entre a missão e o convívio com seus filhos e netos. Normalmente é permitido escolher onde e em que tipo de missão eles irão servir.

Missionários de Proselitismo

Normalmenteos missionários SUD dedicam a maior parte de seu tempo ao proselitismo, ou seja, ensinar o Evangelho. Os missionários de proselitismo são os de maior número.

Além dos 55.000 missionários de tempo integral cada congregação da Igreja, chamada "ala", designa missionarios de "estaca" que ajudam os missionários de tempo integral e encorajam os membros locais a pregar o evangelho.

Missionários de Serviço

Os Missionários de Serviço da Igreja são aqueles missionários que diferentemente dos missionários de proselitismo servem uma missão realizando trabalhos de caráter filantrópico, educacional, treinamento de liderança ou missões técnicas. Os Missionários de Serviço da Igreja servem em chamados de tempo integral assim como os missionários de proselitismo. Eles são enviados a diversas partes do mundo para ajudar membros e não membros. A Igreja tem um programa chamado Fundação SUD que dá assistência a todas as causas humanitárias da Igreja. São aceitas doações em dinheiro ou em forma de tempo dedicado a ajudar na realização desse programa. Desde que este trabalho começou a ser realizado por missionários voluntários a Igreja tem utilizado seu dinheiro para custear as despesas adminsitrativas e 100% do dinheiro doado é repassado às pessoas necessitadas.

Os Missionários de Serviço da igreja são muitos, mas nunca é suficiente. A Igreja encoraja toda dupla missionária a servir uma missão de tempo integral ou meio período. Servir uma missão humanitária ajuda não somente outras pessoas, mas nos faz crescer espiritualmente e nos aproxima de Deus. É o cumprimento do que Tiago disse sobre a verdadeira religião: " A religião pura e imaculada para com Deus, o Pai, é esta: visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo." (Tiago 1:27).

Centros de Treinamento Missionário

Antes de partir para o lugar onde servirão uma missão, os missionários vão para o Centro de Treinamento Missionário onde ficam alguns dias. Lá eles são treinados para ensinar o evangelho e preparados para a vida missionária. Atualmente, há dezessete Centros de Treinamento Missionário permanentes, em diversas partes do mundo.

Os Centros de Treinamento Missionário são como pequenas universidades ou comunidades onde os missionários aprendem habilidades pedagógicas das quais eles precisarão enquanto estiverem servindo. Se o missionário já tem domínio do idioma do país onde irá servir, então ele ficará no CTM durante aproximadamente três semanas. Se ele precisar aprender uma língua estrangeira este tempo pode ser extendido para oito ou dez semanas. No Brasil os missionários constumam permanecer no CTM por 19 dias. Em lugares onde não há CTMs são providenciados centros de treinamento temporários, normalmente nos edifícios locais da Igreja.

Cada membro é um missionário

Esta frase é geralmente associada ao Presidente David O. McKay. Ela se refere à responsabilidade que todos os membros têm de pregar o Evangelho através de suas palavras e de seu exemplo. Em 1958, Presidente David O. McKay disse:

It is generally understood that every member of the Church should be a missionary. He is probably not authorized to go from house to house, but he is authorized, by virtue of his membership, to set a proper example as a good neighbor. Neighbors are watching him. Neighbors are watching his children. He is a light, and it is his duty not to have that light hidden under a bushel, but it should be set up on a hill that all men may be guided thereby. Conference Report, October 1958,p. 93

Os membros da Igreja acreditam que devem compartilhar as verdades do Evangelho com o maior número de pessoas possível. Deus disse a Joseph Smith, o Profeta: "Eis que vos enviei para testificar e advertir o povo, e todo aquele que for advertido deverá advertir seu próximo" (Doutrina & Convênios 88:81).


Para mais informações

Os sites abaixo podem oferecer mais informações sobre os missionários SUD:

Histórias sobre missionários mórmons:

Sites Missionários:

Ferramentas pessoais
Noutras línguas